terça-feira, 1 de junho de 2010

Ria, e o mundo rirá com você...

Eu tenho protelado um pouco pra postar sobre esse filme aqui. Talvez por ter tanta coisa pra falar sobre ele e não saber como organizar as ideias. Mas hoje de manhã eu via o seguinte twitter: @richardspenncer Eu venci, então morra como vc prometeu. by Dae-su. Richard Spencer é o Luiz. Então eu pensei: "OMFG! Ele finalmente viu!" Eu to perturbando ele pra ver esse filme já tem muito tempo e parece que ele finalmente viu!
Antes de começar a falar, já vou avisando... Pode ter Spoiller pra caramaba e se você quiser ver esse filme, saia agora! Por que esse filme merece ser visto sabendo o menos possível sobre ele! Só pra apreciar cada surpresa. Se você não quer ver mas quer saber que tipo de filme louco eu ando vendo... Leia por sua conta e risco!
O filme é Oldboy.



Esse filme é violento. Só pra começar a falar, tirem as crianças da sala! É sério! Depois dele você nunca mais vai olhar para um martelo e pensar em pregos, vai pensar em como se arranca dentes com ele, e não à marteladas! Acreditem em mim, toda a violência é justificada. É sério. O filme trata de vingança do início ao fim.
É a história de uma homem que é sequestrado e fica 15 anos confinado em um quarto de hotel sem nenhum contato com qualquer pessoa. Até as pessoas que aparecem pra arrumar o quarto dele aparecem quando ele tá apagado devido à um gás sonífero. Ele é tirado da esposa, da filha e dos amigos. Quando o soltam, ele tem 5 dias pra descobrir por que foi preso. No caminho ele se envolve com uma chef de um restaurante. Se ele não descobrir o que ele fez, a chef, ela se chama Mido, vai morrer (I'm going to kill every woman you love until you die. You're notorious for not protecting your women.).
Pois é... Se tudo isso acontecesse com você, aposto que não se importaria em distribuir uns socos e marteladas por aí, né?
Esse filme é a definição de 8 ou 80. Ou você adoooooora (que é o meu caso), ou você detesta com todas as suas forças! Eu to curiosa pra saber onde o Luiz se encaixa nessa definição.
Tem que ter uma mente aberta pra ver o filme, não só por causa da violência. Ele é um filme muito diferente, com cenas muito estranhas. Como por exemplo, uma formiga gigante no metrô, não aterrorizando as pessoas, mas passeando no metrô como uma alguém normal. Ou então a cena em que Oh Dae-Su (ele é o cara que foi preso e eu escrevi sem olhar no google) come um polvo vivo! Eu falei mente aberta, não falei? É pra levar a sério! Alguns falam que até as cenas "romanticas" são violentas. Eu não concordo. O cara passou, 15 anos sem contato com qualquer outro ser humano... espera-se que ele tenha perdido um pouco do tato. Mas, ninguém pode deixar de concordar comigo, a cena dele secando o cabelo dela com o secador é fofinha, vaaaai... hihihihihhii
O final dele é surpreendente! É ousado... Você fica imaginando como esse filme recebeu a carta branca pra ser feito. E como ele fez tanto sucesso assim! Já que o final dele pode incomodar muitas pessoas. Você não espera aquilo de maneira nenhuma! Fica na dúvida quem é mesmo o mocinho e quem é o vilão. Uma cena que vale muito a pena prestar atenção é a cena da luta no corredor com o martelo. Ela foi feita em um take só! Lembra muito um Video Game.


Um filme que eu não recomendo pra todo mundo por ser um filme muuuuuito diferente! É do mesmo diretor do Sede de Sangue, Park Chan-Wook (adivinha quem escreveu sem procurar no Google?!). Mas se você está com vontade de ver um filme diferente e surpreendente, esse não vai te deixar na mão!

2 comentários:

anageer disse...

nossa *o* eu lii antes de ver. mais qroo muito ver. sl isso me chama atenção de alguma forma
é. eu gostei! estou lhe seguindoo

Carol disse...

Noossa Suuuu !!! Gostei muito da ideia do filme ... dele ter 5 dias pra descobrir e tal ... mas algumas coisas acho q nao ia gostar .... tipo essa violencia toda .... rsrs
bjinhosss